Las Vegas du Soleil

13 jul

Las Vegas tem cassinos, hotéis luxuosos, pool parties, daiquiris, capelas para casamento de bêbados, drinks, night clubs, fonte mágica, casas de show, strip-tease, cachoeiras dentro da balada, show de piratas, show da Cher, stand up comedy do Seinfeld, estrangeiros, locais, pequena Veneza, carros importados, gente estranha, bonita, feia, malucos e afins, mas para você que gosta de um bom espetáculo, e está no meio desse circo, não pode deixar de ir assistir os dois melhores Cirque du Soleil que, ao contrário dos demais (aí já podemos citar infinitos como Ovo, Kuzaa, Totem, Alegria, etc) não viajam o mundo, eles têm seu próprio teatro montados e estão fixados na cidade de Las Vegas, são eles o da água, chamado de “O” e o lindo “Love” para fãs dos Beatles de todas as idades, geração e crença.

O “O” encontra-se no hotel-cassino Bellagio, a performance durante todo o espetáculo acontece dentro d’água e é algo fantástico, várias vezes ao longo do show os artistas dão saltos de ponta dentro da água de alturas que te faz imaginar a proporção do tamanho da profundidade abaixo do palco para o qual está olhando e que no minuto seguinte já aparece outro caminhando sobre a água como se ela tivesse centímetro de comprimento, e você fica pensando onde é que está toda aquela água guardada lá embaixo e como ela aparece a some tão rápido.

O “Love” diverte a qualquer um, mas se você é um grande fã das músicas dos Beatles, ou um maníaco por eles, o espetáculo é realmente de arrepiar!!! A música está calma com o som de “Because” ao fundo, você está olhando distraidamente para o palco quando bate um “pannn” de guitarra, a música começa a tocar mais alta, agora é “Get Back”, você começa a cantar junto, vê que sua cabeça e suas pernas estão balançando no mesmo ritmo, uma chuva de papeizinhos luminosos começa a cair do teto em cima da platéia e todos os artistas entram em cena. Há muitas outras curiosidades também como uma hora em que há um submarino amarelo no meio do palco, ele começa a subir e a subir até quase alcançar o teto, um pedaço de tecido gigante começa a sair de dentro dele e a envolver toda a platéia como se fosse um oceano e no momento que o submarino submerge, caindo de lá de cima, faz uma chacoalhada tão grande no pano que ele levanta na forma de uma onda gigantesca. Emocionante.

Uma resposta to “Las Vegas du Soleil”

  1. Lucinha julho 14, 2010 às 4:47 pm #

    Pela perfeita descrição do espetáculo, posso imaginar o tamanho da emoção que se sente ao assistí-lo, como Beatlemaníaca que sou! hehe

    Quem sabe um dia a gente assisti juntas?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: